Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

REGULAMENTO DA 9º BIENAL DA UNE

1. A 9ª Bienal da UNE (União Nacional dos Estudantes) é direcionada ao diálogo do conjunto da sociedade com estudantes de todo o território nacional, que atendam às condições deste regulamento e que participarão mediante preenchimento do formulário de inscrição online.

2. A 9ª Bienal da UNE será realizada na cidade do Rio de Janeiro -RJ, entre os dias 26 a 1 Fevereiro de 2015.

3. A 9ª Bienal da UNE é composta pelas seguintes atividades:

A. Mostra selecionada de música;
B. Mostra selecionada de artes cênicas;
C. Mostra selecionada de audiovisual;
D. Mostra selecionada de artes visuais;
E. Mostra selecionada de literatura;
F. Mostra selecionada de projetos de extensão;
G. Mostra selecionada de ciência e tecnologia;
H. Oficinas e minicursos;
I. Lado C;
J. Mostras convidadas de música, artes cênicas, audiovisual, artes visuais, literatura e extensão;
K. Atividades esportivas;
L. Debates, seminários e conferências;
M. Espetáculo de abertura e Culturata;
N. Encontro dos movimentos sociais;
O. Espaços das frentes de atuação da UNE;
P. Seminário do CUCA da UNE;
Q. Espaço “Cultura +10”;
R. Primeiro encontro LGBT da UNE.

3.1 – Os espaços das frentes de atuação da UNE serão organizadas pela coordenadoria dos espaços autogestionados.

4. É indispensável que os participantes com trabalhos inscritos nos itens do “A” ao “G” sejam estudantes no ano de 2014. A comprovação deve ser feita através de declaração fornecida pela instituição de ensino, boleto de mensalidade ou cópia da carteira da UNE, UBES ou ANPG.

4.1. Os trabalhos coletivos devem conter pelo menos 50% (cinquenta por cento) de estudantes em suas equipes.
4.2. Os coletivos poderão ser formados por estudantes de instituições de ensino diferentes.
4.3. Havendo menores de idade no grupo é indispensável a declaração do responsável autorizando a participação no evento.
4.4. Cada autor poderá inscrever, no máximo, 3 (três) trabalhos de sua autoria em cada categoria.

5. A montagem das comissões de seleção dos trabalhos é de responsabilidade exclusiva da diretoria da União Nacional dos Estudantes.

6. A diretoria da UNE se reserva o direito de selecionar trabalhos vencedores de outros festivais que possuam regulamento semelhante a este para participar do evento.

7. As inscrições de participantes deverão ser feitas no período de 10 de novembro até 18 de janeiro de 2015, devendo ser preenchido o formulário de inscrição online no portal da UNE (www.une.org.br) ou no hotsite da 9ª Bienal (www.bienaldaune.org.br). Posteriormente a esta data as inscrições poderão ser feitas exclusivamente na secretaria da 9ª Bienal da UNE.

8. As inscrições dos trabalhos deverão ser feitas no período de 10 de novembro até 7 de janeiro de 2015, devendo ser preenchidos o formulário de inscrição online no portal da UNE (www.une.org.br) ou no hotsite da 9ª Bienal (www.bienaldaune.org.br).

8.1. A divulgação dos trabalhos selecionados será feita pela internet através do portal da UNE www.une.org.br ou no hotsite da 9ª Bienal www.bienaldaune.org.br a partir do dia 14 de janeiro de 2015.
8.2. A taxa de inscrição de trabalhos para as mostras, item A a G, terá o valor de R$ 10,00 (dez reais).
8.3. O estudante que tiver seu trabalho selecionado para apresentação no evento estará isento do pagamento da taxa de inscrição, estipulada nos itens 8.4.
8.4. Os estudantes que comparecerem na condição de participante pagarão uma taxa de inscrição de R$ 60,00 (sessenta) até às vésperas da realização da bienal e R$ 120,00 (cento e vinte) na data da atividade.
8.5. A partir da primeira quinzena de dezembro, os inscritos na 9ª Bienal da UNE poderão optar pela inscrição em uma oficina ou minicurso e Lado C, item H e I, mediante preenchimento de formulário de inscrição online disponível no portal da UNE www.une.org.br ou no hotsite da 9ª Bienal www.bienaldaune.org.br.
8.6. Todos os inscritos na 9ª Bienal da UNE terão acesso às instalações, mostras artísticas, debates, seminários, conferências, culturata, feira e atividades esportivas.
8.7. Fica vedado aos diretores da UNE, como também a estudantes que, de forma direta ou indireta, prestem serviços profissionais à UNE, a inscrição de trabalhos para o evento.

9. Para efetuar o pagamento da taxa basta preencher o formulário de inscrição online disponível no portal da UNE (www.une.org.br) ou no hotsite da 9ª Bienal (www.bienaldaune.org.br), gerar o boleto ou escolher outra forma de pagamento.

10. A organização da 9ª Bienal da UNE se responsabiliza apenas pela hospedagem dos participantes em salas de aula e estruturas escolares. Os alojamentos possuirão chuveiros e sanitários coletivos.

10.1. Aos selecionados para apresentação de trabalhos, a organização se responsabiliza pela hospedagem dos participantes e acondicionamento dos equipamentos em espaço reservado exclusivamente as participantes das mostras.
10.2. Gastos com transporte, cachês, cenários ou qualquer outro tipo de despesa são de responsabilidade do participante.

11. A UNE estará isenta do pagamento dos direitos autorais para a edição, publicação, exibição e gravação dos trabalhos inscritos, desde que estas tenham como objetivo apresentar os resultados da 9ª Bienal da UNE.

11.1. O estudante autoriza a edição, publicação e gravação do seu trabalho que tenha por objetivo apresentar os resultados da 9ª Bienal da UNE já quando da inscrição do seu trabalho.

12. Os inscritos e selecionados autorizam a UNE a divulgar as fotos e os trabalhos em jornais, revistas, internet, canais de TV e outras mídias.

13. Os autores selecionados deverão autorizar através de termo de liberação de direitos autorais de suas obras, para fins não lucrativos, a serem reproduzidas pela UNE.

14. Será de responsabilidade exclusiva dos participantes a veracidade das informações fornecidas à organização do evento.

15. Todos os estudantes que tiverem trabalhos selecionados e apresentados em qualquer área da 9ª Bienal da UNE receberão certificado de premiação, além de certificado de participação na 9ª Bienal da UNE a todos os inscritos.

16. Aos participantes das mostras selecionadas, será produzido um DVD coletânea contendo todo o conteúdo dos trabalhos selecionados.

17. Todas as informações necessárias para inscrição na 9ª Bienal da UNE serão fornecidas pelo formulário de inscrição online.

18. Qualquer caso omisso a esse regulamento será decidido pela diretoria da União Nacional dos Estudantes.

A. Música

A.1. A mostra de música selecionará no máximo 12 (doze) trabalhos.
A.2. A organização do evento fornecerá toda a infraestrutura de palco (microfones, amplificadores, caixas de som etc.) para a apresentação dos grupos, cabendo a cada um deles utilizar apenas seus próprios instrumentos (exceto bateria).
A.3. A música deverá ser gravada e postada em algum canal da Internet (ex: Youtube, Myspace, SoundCloud) e o link enviado no formulário de inscrição online.

B. Artes cênicas

B.1. A mostra de artes cênicas selecionará, no máximo, 09 (nove) trabalhos entre, dança, teatro, circo ou qualquer atividade cênica, seja de rua ou palco.
B.2. Os cenários, figurinos e demais elementos utilizados em cena são de responsabilidade das companhias.
B.3. O espetáculo ou ensaio geral deverá ser filmado e postado em algum canal da Internet (ex: Youtube, Vimeo) e o link enviado no formulário de inscrição online.

C. Audiovisual

C.1. A mostra de audiovisual selecionará um máximo de 40 (quarenta) trabalhos e dará preferência a curta metragens de até 10 (dez) minutos de duração.
C.2. Poderão participar apenas as produções que tenham a participação de estudantes.
C.3. A obra audiovisual deverá ser postada em algum da Internet  (ex: Youtube, Vimeo) e o link enviado no formulário de inscrição online. Caso seja selecionada, a mesma deverá ser encaminhada em alta resolução para a organização do evento.

D. Artes visuais

D.1. A mostra de artes visuais selecionará no máximo 50 (cinquenta) trabalhos.
D.2. A mostra de artes visuais será composta das seguintes categorias: pintura, fotografia, desenho, gravura, colagem, técnicas desenvolvidas sobre papel, tela ou superfícies planas, objeto, instalação, performance e intervenção.
D.3. As obras selecionadas deverão ser remetidas à secretaria da 9ª Bienal da UNE com (01) uma semana de antecedência do início do evento. O envio é de responsabilidade do artista. A organização do evento se responsabiliza apenas pelo transporte da obra da secretaria do evento até o local da exposição.
D.4. A comissão organizadora se responsabiliza e determinará a data para a montagem dos trabalhos.
D.5. A UNE não se responsabiliza pelo seguro das obras.
D.6. As imagens da obra serão encaminhadas em formato digital no formulário online ou postadas em algum canal da Internet (ex: Youtube, Flickr, Picassa) e o link enviado no formulário de inscrição online.

E. Literatura

E.1. A mostra de literatura selecionará, no máximo, 20 (vinte) trabalhos nas categorias conto, crônica e poesia.
E.2. Os textos da categoria conto deverão ter no máximo 10 (dez) laudas, os textos da categoria poesia e crônica deverão ter no máximo 3 (três) laudas. Entende-se por 1 (uma) lauda, texto equivalente a 20 linhas com 70 toques cada ou 1400 caracteres.
E.3. A obra literária deverá ser apresentada em formato pdf no formulário de inscrição online.

F. Projetos de extensão

F.1. A mostra de projetos de extensão selecionará, no máximo, 15 (quinze) trabalhos.
F.2. Antes que o resumo seja enviado, sugerimos que os autores façam revisão gramatical, ortográfica, de digitação, de conteúdo e dados do projeto, dos campos do resumo, pois não será possível corrigir o resumo após seu envio. Os dados serão publicados exatamente como enviados.
F.3. Os trabalhos serão inscritos na forma de resumo expandido e de pôster. Sendo que as regras de formato são diferentes.
F.4. Para a apresentação do pôster o formato deixa de ser o do resumo expandido e passa para a configuração que se encontra no item 9 (nove).
F.5. O estudante que apresentará em forma de pôster é o responsável pela confecção do mesmo.
F.6. Caberá ao autor inscrever todos os componentes do respectivo trabalho. Para isso, ele deve estar com os dados pessoais e acadêmicos dos outros discentes na hora da inscrição.
F.7. O resumo expandido para apresentação de trabalho deverá possuir de 3 (três) a 5 (cinco) laudas.
F.8. Campos e limites do resumo:
a –
Título/subtítulo do trabalho
Escrever com letras maiúsculas, centralizado e em negrito com no máximo 20 (vinte) palavras.

b – Nome do(s) autor(es)
Escrever por extenso usando caixa alta e baixa o nome completo do autor e dos coautores.
Não inverter o nome, não colocar vírgula e não abreviar.

c – Resumo
No máximo 250 (duzentas e cinquenta) palavras.

d – Palavras- chaves
No mínimo 4 (quatro) e no máximo 5 (cinco) palavras.

e – Introdução
No máximo 500 (quinhentas) palavras.

f – Metodologia
No limite 800 (oitocentas) palavras.

g – Resultados e discussão
Sem limite de palavras, mas deve levar em conta os outros limites, bem como o número de páginas do resumo expandido.

h – Conclusões
No máximo 50 (cinquenta) palavras.

i – Referências
De acordo com a ABNT.

j – Agradecimentos
No máximo 50 (cinquenta) palavras.

k – Formato
O Resumo Expandido deverá ser apresentado em um editor de texto com:
– Tamanho do Papel: A4 (29,7cm x 21 cm)
– Fonte: Times New Roman
– Tamanho: 12, normal
– Espaçamento: 1,5cm
– Alinhamento: Justificado
– Margens: Superior – 2,5cm / Inferior – 2cm / Esquerda – 3cm / Direta – 2cm

F.9. O conteúdo do pôster deve evidenciar em sua estrutura: introdução, objetivos, metodologia, resultados e referência bibliográfica.
a –
O pôster deverá ter 60 cm (largura) por 90 cm (altura).

b – Devem ser utilizadas letras com tamanho adequado para serem vistas à relativa distância, facilitando, assim, a leitura do trabalho em exposição.

F.10. A programação da mostra com dia, local e horário de apresentação será disponibilizada no portal da UNE (www.une.org.br) ou no hotsite da 9ª Bienal (www.bienaldaune.org.br).

F.11. Os projetos de extensão serão postados no formulário de inscrição online.

G. Ciência e Tecnologia

G.1. A mostra de ciência e tecnologia selecionará, no máximo, 80 (oitenta) trabalhos.
G.2. Antes que o resumo seja enviado, sugerimos que os autores façam rigorosa revisão gramatical, ortográfica, de digitação, de conteúdo e dados da pesquisa, dos campos do resumo, pois não será possível corrigir o resumo após seu envio. Os dados serão publicados exatamente como enviados.
G.3. Prepare o resumo em um editor de textos, com fonte Arial, tamanho 10 e margens de 1 cm.
G.4. O resumo deve ser escrito em português e conter somente texto.
G.5. O resumo não deve conter: parágrafos com recuos, espaçamentos ou tabulações; tabelas, gráficos, imagens de qualquer gênero ou fotos (esses dados podem ser colocados no pôster). Se necessário, descrever fórmulas matemáticas ou químicas por extenso.
G.6. Campos e limites do resumo:
a –
Área
Consultar e selecionar uma área do conhecimento no item 9.

b – Título
400 (quatrocentos) caracteres no máximo (contando espaços) – escrever com letras maiúsculas (exceto nomes científicos de espécies, que também devem estar em itálico).

c – Síntese
Breve descrição do resumo, com até 400 (quatrocentos) caracteres (contando espaços).

d – Autores e orientadores
No máximo 6 autores; o orientador (quando houver) será computado como um dos autores e deverá estar incluído na lista de autores. Até 60 (sessenta) caracteres para cada nome (contando espaços).
Escrever os nomes por extenso e usando caixa alta e baixa.
Não inverter os nomes, não colocar vírgula e não abreviar.
Não acrescentar titulações junto ao nome (ex.: mestre, orientador etc.) – a indicação deverá ser feita apenas no caso do orientador incluindo no campo “Instituição dos autores” (a seguir).

e – Instituição dos autores e orientadores
Podem constar no máximo 6 (seis) instituições, com até 80 (oitenta) caracteres cada (contando espaços).
Se necessário, neste campo deverá constar a identificação de orientador que é obrigatória.

f – Introdução
No máximo 1.300 (hum mil e trezentos) caracteres (contando espaços). Descrever uma visão geral sobre o tema com definição dos objetivos do trabalho, justificativa/relevância da pesquisa.

g – Métodos
No máximo 1300 (hum mil e trezentos) caracteres (contando espaços). Descrever como o trabalho foi realizado (procedimentos, estratégias, sujeitos participantes, documentos, equipamentos, ambientes etc.) incluindo, se for o caso, a análise estatística empregada.

h – Resultados e Discussão
No máximo 1300 (hum mil e trezentos) caracteres (contando espaços). Descrição e discussão dos resultados obtidos.

i – Conclusões
No máximo 1300 (hum mil e trezentos) caracteres (contando espaços). Descrever a conclusão dos autores com base nos resultados, relacionando-os aos objetivos da pesquisa.

j – Autorização legal
Se houver, informar dados da autorização legal (de comitês de ética ou órgãos ambientais), com até 150 (cento e cinquenta) caracteres (com espaços).

k – Fomento
Se houver, informar a instituição de fomento, com até 150 (cento e cinquenta) caracteres (com espaços) no final do resumo.

l – Identificar o tipo de resumo
Opção 1: Pesquisa científica já concluída.
Opção 2: Experiências e/ou práticas de ensino-aprendizagem, desenvolvida por professor da educação básica e/ou profissionalizante ou por estudante de graduação integrante de programa institucional de iniciação à docência.
Opção 3: Trabalho de Estudante do Ensino Médio e/ou Profissionalizante.
Opção 4: Trabalho relativo a estudo/relato de caso/experiência.

m – Palavras-chave
Informar 3 (três) palavras-chave, com até 60 (sessenta) caracteres cada (com espaços).
Não citar a “área do conhecimento” como palavra-chave.

G.7. A programação da mostra com dia, local e horário de apresentação será disponibilizada no portal da UNE www.une.org.br ou no hotsite da 9ª Bienal www.bienaldaune.org.br.
G.8. Os resumos serão postados no formulário de inscrição online.
G.9. Áreas do conhecimento para classificação do resumo:

A. Ciências Exatas e da Terra

Astronomia
A.1.1. Astrofísica do Meio Interestelar
A.1.2. Astrofísica Estelar
A.1.3. Astrofísica Extragaláctica
A.1.4. Astronomia de Posição e Mecânica Celeste
A.1.5. Astronomia do Sistema Solar
A.1.6. Instrumentação Astronômica
A.1.7. Astronomia

Ciência da Computação
A.2.1. Arquitetura de Computadores
A.2.2. Banco de Dados
A.2.3. Computação Gráfica
A.2.4. Engenharia de Software
A.2.5. Informática na Educação
A.2.6. Inteligência Artificial e Redes Neurais
A.2.7. Linguagens de Programação
A.2.8. Processamento Paralelo e Distribuído
A.2.9. Realidade Virtual
A.2.10. Redes
A.2.11. Segurança
A.2.12. Simulação
A.2.13. Sistemas Cooperativos
A.2.14. Sistemas de Tempo Real
A.2.15. Sistemas Operacionais
A.2.16. Teoria da Computação
A.2.17. Ciência da Computação

Física
A.3.1. Áreas Clássicas de Fenomenologia e suas Aplicações
A.3.2. Ensino de Física
A.3.3. Física Atômica e Molecular
A.3.4. Física da Matéria Condensada
A.3.5. Física das Partículas Elementares e Campos
A.3.6. Física dos Fluidos, Física de Plasmas e Descargas Elétricas
A.3.7. Física Geral
A.3.8. Física Médica
A.3.9. Física Nuclear

Química
A.4.1. Físico-Química
A.4.2. Química Ambiental
A.4.3. Química Analítica
A.4.4. Química de Produtos Naturais
A.4.5. Química Industrial
A.4.6. Química Inorgânica
A.4.7. Química Orgânica
A.4.8. Química

Matemática
A.5.1. Álgebra
A.5.2. Análise
A.5.3. Geometria e Topologia
A.5.4. Matemática Aplicada
A.5.5. Probabilidade e Estatística
A.5.6. Matemática

Geociências
A.6.1. Climatologia
A.6.2. Geofísica
A.6.3. Geografia Física
A.6.4. Geologia Econômica e Geofísica Aplicada
A.6.5. Geologia Regional e Geotectônica
A.6.6. Geoquímica
A.6.7. Meteorologia
A.6.8. Mineralogia e Petrologia
A.6.9. Paleontologia e Estratigrafia
A.6.10. Geociências

Oceanografia
A.7.1. Oceanografia Biológica
A.7.2. Oceanografia Física
A.7.3. Oceanografia Geológica
A.7.4. Oceanografia Química
A.7.5. Oceanografia

B. Engenharias

Engenharia
B.1.1. Engenharia Aeroespacial
B.1.2. Engenharia Biomédica
B.1.3. Engenharia Civil
B.1.4. Engenharia de Materiais e Metalúrgica
B.1.5. Engenharia de Minas
B.1.6. Engenharia de Produção
B.1.7. Engenharia de Transportes
B.1.8. Engenharia Elétrica
B.1.9. Engenharia Mecânica
B.1.10. Engenharia Naval e Oceânica
B.1.11. Engenharia Nuclear
B.1.12. Engenharia Química
B.1.13. Engenharia Sanitária
B.1.14. Engenharia

C. Ciências Biológicas

Biofísica
C.1.1. Biofísica Celular
C.1.2. Biofísica de Processos e Sistemas
C.1.3. Biofísica Molecular
C.1.4. Radiologia e Fotobiologia
C.1.5. Biofísica

Biologia
C.2.1. Biologia da Conservação
C.2.2. Biologia Evolutiva
C.2.3. Biologia Geral

Bioquímica
C.3.1. Biologia Molecular
C.3.2. Bioquímica dos Microorganismos
C.3.3. Enzimologia
C.3.4. Metabolismo e Bioenergética
C.3.5. Química de Macromoléculas
C.3.6. Bioquímica

Botânica
C.4.1. Anatomia Vegetal
C.4.2. Botânica Aplicada
C.4.3. Fisiologia Vegetal
C.4.4. Fitogeografia
C.4.5. Micologia
C.4.6. Morfologia e Taxonomia Vegetal
C.4.7. Paleobotânica
C.4.8. Botânica

Ecologia
C.5.1. Ecologia Aplicada
C.5.2. Ecologia Aquática
C.5.3. Ecologia Terrestre
C.5.4. Ecologia

Farmacologia
C.6.1. Farmacologia Bioquímica e Molecular
C.6.2. Farmacologia Clínica
C.6.3. Toxicologia
C.6.4. Farmacologia

Fisiologia
C.7.1. Fisiologia Celular e Molecular
C.7.2. Fisiologia Comparada
C.7.3. Fisiologia de Órgãos e Sistemas
C.7.4. Fisiopatologia Celular
C.7.5. Fisiologia

Genética
C.8.1. Genética Animal
C.8.2. Genética de Microorganismos
C.8.3. Genética Humana e Médica
C.8.4. Genética Molecular
C.8.5. Genética Vegetal
C.8.6. Genética

Imunologia
C.9.1. Imunologia Aplicada
C.9.2. Imunologia Celular
C.9.3. Imunogenética
C.9.4. Imunoquímica
C.9.5. Imunologia

Microbiologia
C.10.1. Biologia e Fisiologia dos Microorganismos
C.10.2. Microbiologia Aplicada
C.10.3. Microbiologia

Morfologia
C.11.1. Anatomia Animal
C.11.2. Anatomia HumanaC.11.3. Citologia e Biologia Celular
C.11.4. Embriologia
C.11.5. Histologia
C.11.6. Morfologia

Neurociências e Comportamento
C.12.1. Neurociências e Comportamento

Parasitologia
C.13.1. Entomologia e Malacologia de Parasitos e Vetores
C.13.2. Helmintologia de Parasitos
C.13.3. Paleoparasitologia
C.13.4. Parasitologia Geral
C.13.5. Protozoologia de Parasitos
C.13.6. Parasitologia

Zoologia
C.14.1. Biogeografia
C.14.2. Comportamento Animal
C.14.3. Paleozoologia
C.14.4. Taxonomia
C.14.5. Zoologia Aplicada
C.14.6. Zoologia

D. Ciências da Saúde

Enfermagem
D.1.1. Enfermagem de Doenças Contagiosas
D.1.2. Enfermagem de Saúde Pública
D.1.3. Enfermagem Médico-Cirúrgica
D.1.4. Enfermagem Obstétrica
D.1.5. Enfermagem Pediátrica
D.1.6. Enfermagem Psiquiátrica
D.1.7. Enfermagem

Medicina
D.2.1. Anatomia Patológica e Patologia Clínica
D.2.2. Cirurgia
D.2.3. Clínica Médica
D .2.4. Medicina Legal e Deontologia
D.2.5. Psiquiatria
D .2.6. Radiologia Médica
D.2.7. Saúde Materno-Infantil
D.2.8. Medicina

Saúde Coletiva
D.3.1. Epidemiologia
D.3.2. Medicina Preventiva
D.3.3. Saúde de Populações Especiais
D.3.4. Saúde Pública
D.3.5. Saúde Coletiva

Odontologia
D.4.1. Cirurgia Buco-Maxilo-Facial
D.4.2. Clínica Odontológica
D.4.3. Endodontia
D.4.4. Materiais Odontológicos
D.4.5. Odontologia Social e Preventiva
D.4.6. Odontopediatria
D.4.7. Ortodontia
D .4.8. Periodontia
D .4.9. Radiologia Odontológica
D.4.10. Odontologia

Farmácia
D.5.1. Análise e Controle de Medicamentos
D.5.2. Análise Toxicológica
D.5.3. Bromatologia
D.5.4. Farmacotecnia
D.5.5. Farmacognosia
D.5.6. Farmácia

Nutrição
D.6.1. Bioquímica da Nutrição
D.6.2. Dietética
D.6.3. Análise Nutricional de População
D.6.4. Desnutrição e Desenvolvimento Fisiológico
D.6.5. Nutrição

Fonoaudiologia
D.7.1. Fonoaudiologia

Fisioterapia e Terapia Ocupacional
D.8.1. Fisioterapia e Terapia Ocupacional

Ergonomia
D.9.1. Ergonomia

E. Ciências Agrárias

Agronomia
E.1.1. Ciência do Solo
E.1.2. Economia e Sociologia Agrícola
E.1.3. Fitossanidade
E.1.4. Fitotecnia
E.1.5. Agronomia

Engenharia Agrícola
E.2.1. Construções Rurais
E.2.2. Energização Rural
E.2.3. Engenharia Agrícola
E.2.4. Engenharia de Água e Solo
E.2.5. Máquinas e Implementos Agrícolas
E.2.6. Processamento de Produtos Agrícolas

Recursos Florestais e Engenharia Florestal
E.3.1. Silvicultura
E.3.2. Manejo Florestal
E.3.3. Técnicas e Operações Florestais
E.3.4. Conservação da Natureza
E.3.5. Ciências Florestais
E.3.6. Recursos Florestais e Engenharia Florestal

Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca
E.4.1. Aqüicultura
E.4.2. Engenharia de Pesca
E.4.3. Recursos Pesqueiros de Águas Interiores
E.4.4. Recursos Pesqueiros Marinhos
E.4.5. Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca

Medicina Veterinária
E.5.1. Clínica e Cirurgia
E.5.2. Inspeção de Produtos de Origem Animal
E.5.3. Medicina Veterinária Preventiva
E.5.4. Patologia Animal
E.5.5. Reprodução Animal
E.5.6. Medicina Veterinária

Zootecnia
E.6.1. Ecologia dos Animais Domésticos e Etologia
E.6.2. Nutrição e Alimentação Animal
E.6.3. Pastagem e Forragicultura
E.6.4. Produção Animal
E.6.5. Zootecnia

Ciência e Tecnologia de Alimentos
E.7.1. Ciência de Alimentos
E.7.2. Engenharia de Alimentos
E.7.3. Tecnologia de Alimentos
E.7.4. Ciência e Tecnologia de Alimentos

F. Ciências Sociais Aplicadas
Contabilidade
F.112. Auditoria Contábil
F.1.2. Contabilidade e Finanças
F.1.3. Contabilidades Específicas
F.1.4. Controladoria
F.1.5. Perícia Contábil
F.1.6. Sistemas Contábeis
F.1.7. Teoria da Contabilidade
F.1.8. Contabilidade

Gestão e Administração
F.2.1. Administração Geral e Gestão Estratégica
F.2.2. Cultura Organizacional
F.2.3. Gestão da Produção e Marketing
F.2.4. Gestão de Negócios
F.2.5. Gestão de Pessoas
F.2.6. Gestão Financeira
F.2.7. Gestão Pública
F.2.8. Organizações e Alternativas Organizacionais
F.2.9. Gestão e Administração

Economia
F.3.1. Crescimento, Flutuações e Planejamento Econômico
F.3.2. Economia Doméstica
F.3.3. Economia dos Recursos Humanos
F.3.4. Economia Industrial
F.3.5. Economia Internacional
F.3.6. Economia Monetária e Fiscal
F.3.7. Economia Regional e Urbana
F.3.8. Economias Agrária e dos Recursos Naturais
F.3.9. Métodos Quantitativos em Economia
F.3.10. Teoria Econômica
F.3.11. Economia

Turismo e Hotelaria
F.4.1. Fundamentos Teóricos
F.4.2. Planejamento e Projetos Turísticos
F.4.3. Turismo e Hotelaria

Direito
F.5.1. Direito Administrativo
F.5.2. Direito Ambiental
F.5.3. Direito Civil
F.5.4. Direito Constitucional
F.5.5. Direito do Consumidor
F.5.6. Direito do Estado
F.5.7. Direito do Trabalho
F.5.8. Direito Internacional
F.5.9. Direito Penal
F.5.10. Direito Tributário
F.5.11. Filosofia do Direito
F.5.12. Medicina Legal
F.5.13. Direito

Arquitetura e Urbanismo
F.6.1. Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
F.6.2. Paisagismo e Projetos de Espaços Livres Urbanos
F.6.3. Projeto de Arquitetura e Urbanismo
F.6.4. Tecnologia de Arquitetura e Urbanismo
F.6.5. Arquitetura e Urbanismo

Planejamento Urbano e Regional
F.7.1. Fundamentos do Planejamento Urbano e Regional
F.7.2. Métodos e Técnicas do Planejamento Urbano e Regional
F.7.3. Serviços Urbanos e Regionais
F.7.4. Planejamento Urbano e Regional

Demografia
F.8.1. Componentes da Dinâmica Demográfica
F.8.2. Demografia Histórica
F.8.3. Distribuição Espacial
F.8.4. Fontes de Dados Demográficos
F.8.5. Nupcialidade e Família
F.8.6. Política Pública e População
F.8.7. Demografia

Desenho Industrial
F.9.1. Programação Visual
F.9.2. Desenho de Produto
F.9.3. Desenho Industrial

Comunicação
F.10.1. Comunicação Digital
F.10.2. Comunicação e Educação
F.10.3. Comunicação Visual
F.10.4. Jornalismo e Editoração
F.10.5. Rádio e Televisão
F.10.6. Relações Públicas e Propaganda
F.10.7. Teorias da Comunicação
F.10.8. Comunicação

Documentação e Informação Científica
F.11.1. Documentação e Informação Científica

Educação Física e Esportes
F.12.1. Educação Física e Esportes

Serviço Social
F.13.1. Serviço Social Aplicado
F.13.2. Serviço Social da Criança e do Adolescente
F.13.3. Serviço Social da Educação
F.13.4. Serviço Social da Habitação
F.13.5. Serviço Social da Saúde
F.13.6. Serviço Social do Trabalho
F.13.7. Serviço Social

G. Ciências Humanas

Antropologia
G.1.1. Antropologia da Religião
G.1.2. Antropologia da Saúde
G.1.3. Antropologia das Populações Afro-Brasileiras
G.1.4. Antropologia Rural
G.1.5. Antropologia Urbana
G.1.6. Ciências da Religião e Teologia
G.1.7. Etnologia Indígena
G.1.8. Antropologia

Arqueologia
G.2.1. Arqueologia Histórica
G.2.2. Arqueologia Pré-Histórica
G.2.3. Conservação de Sítios
G.2.4. Arqueologia

Filosofia
G.3.1. Ética
G.3.2. Filosofia

 

Geografia

G.4.1. Geografia Humana

G.4.2. Geografia Regional

G.4.3. Geografia

 

História

G.5.1. História da Cultura

G.5.2. História do Brasil

G.5.3. História do Pensamento Econômico e Metodologia

G.5.4. História e Filosofia da Ciência

G.5.5. História Econômica

G.5.6. História Moderna e Contemporânea

G.5.7. História Política

G.5.8. História Regional do Brasil

G.5.9. História Social

G.5.10. Teoria e Metodologia da História

G.5.11. História

 

Ciência Política

G.6.1. Comportamento Político

G.6.2. Estado e Governo

G.6.3. Instituições Políticas

G.6.4. Políticas Públicas

G.6.5. Relações Internacionais

G.6.6. Ciência Política

 

Educação

G.7.1. Administração Educacional

G.7.2. Currículo

G.7.3. Educação Ambiental

G.7.4. Educação Básica

G.7.5. Educação de Adultos

G.7.6. Educação Especial

G.7.7. Educação Infantil

G.7.8. Educação Matemática

G.7.9. Educação Permanente

G.7.10. Educação Rural

G.7.11. Ensino-Aprendizagem

G.7.12. Ensino de Ciências

G.7.13. Ensino Profissionalizante

G.7.14. Ensino Superior

G.7.15 Formação de Professores (Inicial e Contínua)

G.7.16. Orientação e Aconselhamento

G.7.17. Planejamento e Avaliação Educacional

G.7.18. Educação a Distância

 

Psicologia

G.8.1. Gerontologia

G.8.2. Práticas Clínicas, Identidade e Relações de Gênero

G.8.3. Psicologia Clínica

G.8.4. Psicologia Comparativa

G.8.5. Psicologia da Saúde

G.8.6. Psicologia do Desenvolvimento Humano

G.8.7. Psicologia do Ensino e da Aprendizagem

G.8.8. Psicologia do Trabalho e Organizacional

G.8.9. Psicologia Experimental

G.8.10. Psicologia Hospitalar e Psicossomática

G.8.11. Psicologia Social

G.8.12. Psicologia

 

Sociologia

G.9.1. Sociologia da Saúde

G.9.2. Sociologia do Conhecimento

G.9.3. Sociologia do Desenvolvimento

G.9.4. Sociologia do Trabalho

G.9.5. Sociologia Rural

G.9.6. Sociologia Urbana

G.9.7. Sociologia

 

H. Artes, Letras e Linguística

Artes

H.1.1. Artes do Vídeo

H.1.2. Artes Plásticas

H.1.3. Cinema

H.1.4. Educação Artística

H.1.5. Fotografia

H.1.6. Fundamentos e Crítica das Artes

H.1.7. Música e Dança

H.1.8. Teatro e Ópera

H.1.9. Artes

 

Letras

H.2.1. Língua Portuguesa

H.2.2. Línguas Clássicas

H.2.3. Línguas Estrangeiras Modernas

H.2.4. Línguas Indígenas

H.2.5. Letras

 

Literatura
H.3.1. Literatura Brasileira
H.3.2. Literatura Comparada
H.3.3. Literaturas Clássicas
H.3.4. Literaturas Modernas
H.3.5. Teoria Literária
H.3.6. Literatura

Linguística
H.4.1. Linguística Aplicada
H.4.2. Linguística Histórica
H.4.3. Psicolinguística
H.4.4. Sociolinguística
H.4.5. Teoria e Análise Linguística
H.4.6. Linguística

Semiótica
H.5.1. Semiótica

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo