Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Uma noite de música e luta em BH

17/06/2017 às 14:10, por Cristiane Tada e Natasha Ramos / Foto: Bruno Bou | CUCA da UNE.

Artistas mineiros pediram Diretas Já!
Foto: Bruno Bou | CUCA da UNE

Fernanda Takai, Érika Machado, e o rapper Flávio Renegado foram alguns dos cantores mineiros no palco

Em clima de celebração, cerca de 40 mil pessoas se reuniram nesta sexta-feira (16) na Praça da Estação, em Belo Horizonte, para a manifestação das Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo que pediu as Diretas Já no Brasil. Parte da programação do 55º Congresso da UNE, o ato reuniu estudantes de diversas partes do país. Leia mais aqui.

No palco artistas locais conhecidos em Minas e também nacionalmente emprestaram sua música para reivindicar a democracia, a saída de Michel Temer e a realização de novas eleições no país. Uma das que deu a sua mensagem foi a cantora Fernanda Takai: “A gente vê essas lideranças dos estudantes aqui, a Ana Júlia, que está aqui, a Carina [presidenta da UNE], a Camila [presidenta da UBES], pessoas que representam tão bem um povo novo que vem com vontade de fazer alguma coisa a respeito da sua própria realidade, é um exemplo pra gente”, disse para a multidão presente.

Ela destacou a unidade de movimento presentes: “Se a gente consegue agregar políticos, outros artistas, entidades, organizações sejam quais forem, a gente precisa achar pontos em comum. Nosso ponto em comum agora, imediatamente, é tirar o Temer e ter Diretas Já”, pontuou.

Rapper Mineiro, Flávio Renegado, destacou a importância de movimentos artísticos para mudar o Brasil

Fernanda cantou músicas da sua banda Pato Fu num dueto com a cantora Érika Machado. Para Érika, participando do evento elas podem mostrar que não estão de acordo com o que está sendo feito com os nossos direitos e com o nosso país. “É mostrar para todo mundo que também não concordamos. É muito importante a presença de todo mundo, as mulheres.Eu, além de mulher, também sou gay, então é muito importante pra mim, para a minha presença neste mundo. Esses direitos mexem muito com o nosso conforto aqui na vida”, disse.

O rapper mineiro Flávio Renegado, parceiro de longa data da UNE, agitou a galera com suas músicas autorais. “ É sensacional poder ver o povo na rua em pleno feriado comparecendo a este ato. Estamos contribuindo com a nossa arte para melhorar o nosso país, estamos lutando pelo direito do povo de poder votar e escolher seu presidente de uma forma correta. Não acreditamos que com golpe, governo golpista vai governar a gente. Queremos ser governados por quem nós escolhemos”, discursou.

Durante o ato o palco abriu espaço para todos os estilos musicais, refletindo o que é atualmente a cena mineira, da MPB ao samba e forró, passando pelo rap e o rock. Se apresentaram ainda os cantores Sérgio Pererê, Maurício Tizumba, Marina Machado, Pereira da Viola, Aline Calixto, Titane, Di Souza, Pedro Morais, Flávio Delegado e Orquestra Royal.

 

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo