Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Reunião preparatória para 19º Festival Mundial de Juventudes pede Fora Temer

13/06/2016 às 19:15, por da Redação .

Durante o encontro com representantes de todos os continentes foi aprovada parte da identidade visual do evento que acontece 14 a 22 de Outubro de 2017

A 1ª Reunião Preparatória Internacional (RPI) da Federação Mundial de Juventudes Democráticas (FMJD) para o 19º Festival Mundial de Juventudes e Estudantes (FMJE) aconteceu nos últimos dias 4 a 7 de Junho, em Caracas, Venezuela.

Participaram mais de 100 delegados de cerca de 40 países de todo o mundo. Juventudes de esquerda, progressistas e democráticas que fazem parte da FMJD e a OCLAE (Organização Continental Latino-americana e Caribenha de Estudantes), que também compõem o Festival. Todos os continentes estavam lá representados.

O representante da UNE na OCLAE, Rafael Bogoni, foi um dos delegados.

Nesta primeira reunião começaram as preparações e detalhes de organização do Festival que, segundo aprovado, deve acontecer entre os dias 14 a 22 de Outubro de 2017, no marco do centenário da Revolução Russa.

Está prevista a participação de 20 a 30 mil jovens e estudantes de todo o mundo. O Festival terá como cidade sede a cidade de Sochi, mas prevê ainda atividades em outras cidades, como Moscou.

De acordo com Bogoni uma das inovações é a ideia do fortalecimento do caráter esportivo e criativo do Festival, mas também será um espaço de muito debate sobre a conjuntura política mundial e os rumos das relações geopolíticas.

“Com o tema ‘Pela paz, solidariedade e justiça social. Lutamos contra o imperialismo, honrando o passado e construindo o futuro’, o Festival terá um caráter marcadamente anti-imperialista”, destacou ele.

Foi aprovado também o logo da identidade visual desta 19ª edição.

A próxima etapa é a instalação dos CNPs (Comitês Nacionais Preparatórios) em cada país, com as organizações membro da Federação e outras que possam se somar, além das organizações estudantis.

Estes CNPs devem organizar e mobilizar atividades preparatórias e prévias ao FMJE em cada país, além de mobilizar a própria participação da delegação de cada país no Festival na Rússia.

“A próxima RPI deve acontecer no continente africano, sem país sede ou data acertados ainda, onde continuaremos a debater o programa do FMJE”, explicou Bogoni.

Ele destaca que houveram atividades de solidariedade à Venezuela devido à forte ofensiva conservadora da direita e seus planos de desestabilização econômica e política do país através do desabastecimento de alimentos e produtos de primeira necessidade provocado por empresas privadas sobre a mão da Fedecámara (Federação das Câmaras de Comércio da Venezuela).

Houveram também homenagens A Hugo Chávez. Os jovens visitaram seu mausoléu no Quartel da Montanha, no Bairro 23 de Janeiro, um dos maiores redutos chavistas da Venezuela.

A reunião terminou com um ato pelo Fora Temer, onde organizações do mundo inteiro escreveram #ForaTemer #NãoAoGolpe em suas línguas (português, espanhol, inglês, árabe, russo, francês, Coreano, alemão, quechua, etc).

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo