Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

No Paraná todos unidos pela educação

29/05/2015 às 16:24, por Cristiane Tada.

Estudantes, professores e centrais sindicais lembraram um mês que educadores foram massacrados em manifestação

Os estudantes paranaenses participaram nesta sexta-feira (29/5) a partir das 9h da manhã do ato das centrais sindicais em Curitiba (PR) contra as medidas provisórias do governo federal de ajuste fiscal, contra a PL4330 da terceirização, e por nenhum direito a menos.  A concentração saiu da Praça 19 de Dezembro no Centro da cidade.

O manifestação marcou também exatamente um mês em que o governador tucano Beto Richa (PSDB) ordenou um massacre da PM com centenas de educadores, educadoras e estudantes que se manifestavam pacificamente em Centro Cívico, na capital paranaense.

Os professores continuam mobilizados em greve lutando em defesa da escola pública e pela valorização dos professores e servidores públicos do estado do Paraná. Além disso, as Universidades Estaduais também paralisaram devido a situação de sucateamento e descaso com os profissionais.

O ato somou-se a Semana Nacional de Defesa da Educação proposta pela UNE em que estudantes de todo o Brasil tem se mobilizado contra os cortes federais no setor.

“Além do apoio às universidades estaduais e a luta dos professores, nós estudantes aproveitamos este espaço para reivindicar as nossas pautas de nenhum centavo a menos para a educação, mais assistência estudantil, em defesa dos estudantes do Fies”, destacou o diretor da UNE, Iago Montalvão.

As sete universidades estaduais do Estado suspenderam os seus calendários acadêmicos. Os professores universitários estão em greve pela segunda vez no ano e pedem reposição salarial de 8,17%.

Já para os professores estaduais em greve desde o dia 27 de abirl, o governador fez uma proposta de reajuste de 3,45%. A APP-Sindicato classificou a proposta como “indecente”. Mesmo sendo pequeno o índice só  seria pago de forma parcelada aos servidores, entre os meses de setembro, outubro e novembro.

 

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo