Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Manifestação contra a PEC 55 leva milhares à Avenida Paulista

28/11/2016 às 16:41, por Da Redação Foto: Yuri Salvador.

40 mil pessoas participaram do ato que serviu de ”esquenta” para a caravana ”Ocupa Brasília”, na próxima terça 

Na tarde do último domingo (27), cerca de 40 mil pessoas tomaram a Avenida Paulista, em São Paulo, contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) – que limita investimentos públicos por 20 anos –, contra a perda de direitos sociais e para gritar “Fora Temer”, em grande manifestação organizada pelos movimentos sociais. O ato serviu de ”esquenta” para a caravana ”Ocupa Brasília”, que acontece na próxima terça (29) e promete reunir milhares estudantes.

”As pessoas ontem na Paulista mostraram que o fôlego para contra a PEC 55 está mais forte do que nunca. Estudantes, trabalhadores e movimentos sociais estão unidos para barrar essa PEC e qualquer outro retrocesso”, falou o diretor de comunicação da UNE, Mateus Weber.

A manifestação que começou por volta das 15h, em frente ao Museu de Arte de São Paulo (Masp), ocupou as duas faixas da avenida nos quarteirões próximos ao prédio. A presidenta da UNE, Carina Vitral, comemorou a numerosa participação popular. ”O povo tomou as ruas contra Michel Temer, sua PEC da morte e seu desgoverno. Não tem arrego”, falou.

O coordenador do MTST, Guilherme Boulos, afirmou que a PEC é um atentado ao povo brasileiro e que a declaração de Temer neste domingo, sobre a intenção de barrar a emenda da anistia ao caixa 2 é uma hipocrisia. “É a velha história de roubar a carteira e gritar ‘pega ladrão’. Foram eles que criaram tudo isso”, disse.

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ), os deputados Ivan Valente e Luiza Erundina (Psol), o presidente da CUT, Vagner Freitas, e o vereador eleito de São Paulo Eduardo Suplicy (PT) também estiveram presentes no ato que seguiu até a Praça Roosevelt, no centro da capital paulista.

OCUPA BRASÍLIA

A caravana Ocupa Brasília já está na estrada e promete desembarcar em Brasília, na próxima terça (29), com milhares de estudantes unidos contra a PEC 55 . Os estudantes vão pressionar os senadores na data da votação em primeira instância da PEC do congelamento que além de desvincular os recursos obrigatórios para Saúde e Educação previstos na Constituição vai congelar o investimento nessas áreas nos próximos 20 anos.

Para saber mais, acompanhe as redes da UNE.

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo