Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/une/public_html/site/wp-includes/post-template.php on line 284
UNE - União Nacional dos Estudantes » Estudante briga na Justiça contra perseguição do IBMEC e condenação em 200 milEstudante briga na Justiça contra perseguição do IBMEC e condenação em 200 mil Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Estudante briga na Justiça contra perseguição do IBMEC e condenação em 200 mil

22/08/2018 às 18:18, por Redação.


Imbróglio se arrasta desde 2016 e começou com a vitória do movimento estudantil com fim das cobranças de taxas nas universidades privadas do RJ

Em janeiro de 2016, o movimento estudantil carioca conseguiu uma vitória inédita e que serve até hoje de modelo para os outros Estados. Depois de muito luta os estudantes garantiram, por meio da Lei 7.202 o fim das cobranças de taxas abusivas nas universidades particulares do estado.

Na época Pedro Auar, era estudante de Direito do Ibmec-RJ e presidente do Centro Acadêmico Ministro Evandro Lins e Silva (Camels) – entidade pioneira na luta contra as taxas. Desde então o estudante conta que a perseguição por parte da coordenação de Direito da instituição, que culminou em sua expulsão e até em pedido de prisão preventiva parece não ter limites.

“Fui condenado em 200 mil reais por danos morais pelo I Juizado Especial Cível da Barra da Tijuca que é de pequenas causas. A disparidade desse valor mostra a má-fé”, destaca.

A última foi a tentativa de penhora porta a dentro, ou seja, entrarem na casa do pai do estudante onde ele mora e levarem qualquer objeto de valor até que se atinja o valor da condenação. “A gente não pode ficar calado, é seríssimo isso que estão fazendo. Eu nem tenho esse dinheiro. Estão fazendo isso para me silenciar, para me colocar medo”.

Pedro que continua a estudar direito, agora na PUC-RJ, afirma que além de estarem infrigindo a lei do Juizado, em uma condenação de valor muito maior que o que está na lei, também querem invadir a casa do pai dele, o que de acordo com o estudante é inconstitucional.

“São os professores e advogados Daniel Brantes Ferreira e Bianca Oliveira de Farias, além do grupo do IBMEC por trás. O que leva professores a perseguirem um aluno dessa maneira cruel?”, questiona nominando os autores do processo contra ele.

Em 2017 a casa do pai de Pedro já foi alvo de uma busca e apreensão que levou o celular e o computador do estudante. Até hoje ele não conseguiu os aparelhos de volta.

“Eu acho que mexi com cachorro grande, com o cartel das universidades privadas aqui do Rio. Fiquei em evidência e não tive medo de brigar pelo que é certo”, afirma.

A briga na Justiça continua. “Estamos tentando reverter a condenação, mas com é um Juizado de Pequenas Causas não tem muito recurso. E infelizmente hoje estamos vivendo a ditadura da toga”.


Notice: Uninitialized string offset: 0 in /home/une/public_html/site/wp-includes/class-wp-query.php on line 3149
Pular para o Conteúdo Pular para o Topo
Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/une/public_html/site/wp-includes/functions.php on line 3743