Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Em Londres, Criolo diz a Cunha que “resistência é infinita”

26/04/2016 às 18:26, por Patricia Blumberg.

Artista brasileiro retorna à Londres e em show na renomada Casa Koko critica presidente da Câmara; jornalista Patricia Blumberg acompanhou o show, tirou fotos de faixas contra a Globo e Cunha e gravou vídeo exclusivo para o site da UNE

Koko, uma das mais tradicionais casas de show em Londres, ganhou uma aula de democracia neste último domingo (24) durante o show do rapper Criolo. Inspirado do início ao fim, como de costume, Criolo puxou o couro “Fora Cunha” e citou inúmeras vezes a união dos povos como principal arma de resistência.

Foi claro o posicionamento contra o golpe. A casa, que funciona desde 1900 e costumava receber Charlie Chaplin em suas atrações, foi redecorada com faixas contra Cunha e contra a Rede Globo. O recado dos brasileiros em Londres também foi dado: vai ter muita luta.

O paulista encerrou a apresentação incentivando todos a respeitarem a singularidade e os direitos básicos conquistados no Brasil: “Cada um de vocês é um ponto de luz, se abracem, façam amor. Não vamos abrir mão dos direitos que tanto lutamos. É necessário, é urgente e é agora”.

Confira o vídeo exclusivo:

Ainda há tempo

Em sua nova turnê intitulada ”Ainda Há tempo”, o rapper já passou por São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Espírito Santo e na última semana, encarou a plateia inglesa passando por Cambridge, Bristol, Leeds, Brighton e Londres. Nesta terça (26), a cidade de Manchester recebe o último show em solo inglês. Em maio a turnê volta ao Brasil.

Repúdio Internacional

No último dia 21 de abril, a turnê ”Dois Amigos, Um Século de Música”, de Caetano Veloso e Gilberto Gil desembarcou em Nova Iorque e também foi palco de protestos contra o presidente da Câmara, Eduardo Cunha.

Durante o show, que aconteceu na Howard Gilman Opera House, a plateia também pediu a saída do deputado.

Segundo informações do New York Times, durante a música “Odeio”, quando os cantores entoaram o refrão “Odeio você”, a plateia emendou ”Cunha”.

UNE em Nova Iorque

Durante visita da presidenta da República, Dilma Rousseff, a Nova Iorque para participar da assinatura do Acordo de Paris, na sede da ONU, na sexta (22) e sábado (23), brasileiros protestaram contra o golpe na frente da residência da missão brasileira na ONU e também na própria ONU.

Rafael Pops, vice-presidente da UNE na gestão de 2003-2005, que estava em visita à cidade, participou dos protestos que denunciaram para o mundo os ataques á democracia no Brasil e contou para o site da UNE suas impressões. (Leia mais aqui)

Outras manifestações ao redor do mundo também têm denunciado o processo de golpe liderado pelo réu Eduardo Cunha e pelo conspirador vice-presidente da República, Michel Temer. (Leia aqui nota da UNE)

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo