Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Conheça Goiânia, sede do 54º Congresso da UNE

13/05/2015 às 16:57, por Yuri Salvador .

Goianos dão dicas da cidade que vai receber o maior encontro do movimento estudantil brasileiro

O 54º Congresso da UNE vêm aí e mais uma vez Goiânia será palco do maior encontro do movimento estudantil brasileiro. São esperados cerca de 10 mil estudantes dos quatro cantos do país que decidirão os rumos da entidade para o próximo período além de eleger a nova diretoria e presidente.

Para saber um pouco mais sobre a cidade, o site da UNE conversou com o diretor de Universidades Públicas da entidade,  Iago Campos, e com a vice-presidenta da UNE em Goiás, Déborah Evellyn. Ambos  cresceram na cidade e dão dicas sobre a capital do Cerrado.

Goiânia é uma cidade grande com jeitinho de interior. Marcada pelo clima quente e seco e por ruas bem arborizadas, a capital de Goiás abriga bares, cinemas, restaurantes, galerias de artes e muito mais. A cidade está entre as com maior qualidade de vida no país.

A maior parte das atividades do Congresso da UNE acontecerá na tradicional Praça Universitária, que em seu nome oficial homenageia um dos grandes líderes do movimento estudantil, Honestino Guimarães, ex-presidente da UNE perseguido e assassinado pela ditadura militar no Brasil.

A praça já é ponto tradicional dos estudantes e reúne em sua volta as universidades Pontifícia Universidade Católica (PUC-GO), a Universidade Federal de Goiás (UFG), além da Biblioteca Municipal, local onde são realizadas diversas atividades culturais. “Isso sem falar do famoso ‘Bar da Tia, Tio e Primo’ que é um patrimônio da praça e todo estudante universitário já passou alguma vez por lá”, diz Iago.

A praça abriga também, a céu aberto, o Museu de Escultura ao Ar Livre, idealizado junto com a população da cidade no início do ano 2000, conta com 26 esculturas e 2 painéis, de diversos artistas, feitos com materiais que vão do bronze à pedra sabão. Quem andar pela praça no sentido horário, começando da parte de baixo, poderá notar uma evolução dos estilos abstrato ao figurativo, das menores para as maiores obras.

Para Déborah também não dá pra deixar de conhecer a culinária local. “Pratos como o arroz com pequi (fruto símbolo do estado de Goiás), o empadão goiano e a pamonha são ‘obrigatórios’ para quem passa pela cidade”, recomenda.

Após o Congresso, se tiver um tempinho, Iago dá outras dicas sobre a cidade. O diretor lembra que o grande mestre da arquitetura brasileira também deixou sua marca na capital do Cerrado com o Centro Cultural Oscar Niemeyer (CCON). “Vale a pena conhecer. Além de ser uma bela obra prima da arquitetura, é também um local de diversas exposições e sede de vários eventos culturais, shows e apresentações”.

O 54º Congresso da UNE acontecerá de 3 a 7 de junho. Inscrições podem ser feitas em inscrições.congressodaune.org.br

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo