Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Confirmação de assinaturas para a CPI da Merenda consagra vitória estudantil

10/05/2016 às 18:26, por Renata Bars Foto: Cuca da UNE.

Em corpo a corpo com deputados, estudantes garantem a abertura do processo

Após a ocupação histórica que parou a Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) por 4 dias, o movimento estudantil paulista confirma mais uma vitória. Na tarde desta terça-feira (10), após um corpo a corpo com os deputados, os estudantes conquistaram o número suficiente de assinaturas para a abertura da CPI da Merenda. Das 32 necessárias, ao menos 50 já estão garantidas.

”Essa é uma grande vitória fruto da luta dos estudantes secundaristas no estado de São Paulo. Nós ocupamos uma das três esferas do poder, coisa que nunca havia sido feita por nenhum outro movimento. Isso é muito emblemático e simbólico, pois paramos o plenário para que não só o estado, mas o país ouvisse uma reivindicação justa dos estudantes. Estou muito feliz”, falou o presidente da União Paulista dos Estudantes Secundaristas (Upes), Emerson Santos, mais conhecido como Catatau.

A presidenta da União Estadual dos Estudantes de São Paulo (UEE-SP), Flávia Oliveira também comemorou a notícia. ”Depois da ocupação continuamos a pressionar os deputados para conseguirmos a abertura da CPI. Sair da Alesp hoje com a garantia de uma CPI ampla que vai investigar além do governo, prefeituras e agentes públicos envolvidos na máfia da merenda é extretamente vitorioso. Deixa o movimento estudantil mais fortalecido”, disse.

A CPI terá agora seu foco ampliado para as 22 cidades que fecharam convênios com a Cooperativa Orgânica Agrícola Familiar (Coaf), empresa acusada de participar da máfia da merenda. O projeto anterior propunha a investigação apenas da Secretaria de Educação.

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo