Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Notícias

Últimas Notícias

Brasil mobilizado pelo Fora Temer pede eleições Diretas

22/05/2017 às 12:24, por Redação com informações da Rede Brasil Atual/ Fotos: Ângela Helena/CUCA da UNE.


Domingo de muita chuva não impediu milhares de tomarem as ruas das principais capitais

O domingo (21/5) chuvoso de Norte a Sul do país foi marcado por manifestações nas principais cidades da federação. Após a divulgação de áudios comprometedores do presidente ilegítimo Michel Temer, a população tem se mobilizado para pedir a saída do PMDBista e novas eleições para a presidência do Brasil.

Em São Paulo, a chuva não deu trégua e mesmo assim mais de 15 mil pessoas lotaram a Av. Paulista, na altura do MASP, no meio da tarde para o ato convocado pelas Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo.

 

Carina fala aos manifestantes na Av. Paulista em São Paulo

A presidenta da UNE, Carina Vitral, lembrou que a UNE e os movimentos sociais já alertavam a sociedade brasileira que o golpe aplicado na presidenta Dilma eram por dois motivos: manter todos os corruptos no poder e manter os seus privilégios, o que ficou muito claro nas últimas semanas. E destacou que agora retomar os rumos do Brasil está nas mãos do povo. “Eu não tenho dúvidas e tenho confiança do povo brasileiro. Não queremos mais que escolham por nós. Queremos votar e ter nossos direitos como estudantes, trabalhadores, aposentados, sendo respeitados”, ressaltou.

O coordenador MST, João Paulo, também afirmou que mais do que a saída do presidente, é necessário buscar acima de tudo buscar uma saída para o Brasil. “ E a saída é pela democracia, é diretas já”.

“O Fora Temer e Diretas Já está ecoando em todo o país, são milhares de pessoas afirmando que este governo não tem condições de continuar e também rechaçando toda e qualquer alternativa de acordão, de arranjo antidemocrático que não chame o povo a decidir o destino do país”, destacou o líder o MTST, Guilherme Boulous.

Já o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Vagner Freitas, convocou todos.

“Começa nossa luta pelas Diretas Já agora, porque vamos permanecer nas ruas. Começa no dia 24 com o Ocupa Brasília, pode ser que ficamos acampados lá até as eleições Diretas, vamos decidir isso esta semana. Por isso não me venham com proposta golpista porque a nossa mobilização é até as eleições”.

Assista a transmissão ao vivo da UNE:

Ao longo do dia, milhares tomaram às ruas no Distrito Federal, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Goiânia, Belém, Natal, Porto Alegre, Teresina, Curitiba e Salvador.

Na capital mineira, a manifestação começou pela manhã na praça da Liberdade, região central da cidade e de acordo com a organização, reuniu cerca de 50 mil pessoas. Além de pedir a saída do presidente, os participantes, também ressaltaram o envolvimento de Aécio Neves (PSDB-MG). O senador mineiro é acusado de receber propina da empresa JBS, que seria utilizada para o pagamento da sua defesa das acusações na Lava Jato.

 

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo