Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Lula participará do Congresso da UNE na quinta-feira

Tags:

Nessa quinta feira, 14 de julho, o 52º Congresso da União Nacional dos Estudantes, em Goiânia, recebe o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, para o II Encontro nacional de estudantes do ProUni. Enquanto presidente, Lula foi aquele que mais dialogou e manteve relação com o movimento estudantil, sendo o único a visitar por duas vezes a sede da UNE, recuperada em 2007 pelos estudantes na Praia do Flamengo 132. Compareceu também duas vezes em congressos nacionais e criou o ProUni e outros programas a partir do diálogo com o movimento estudantil.

A relação entre os estudantes e Lula, ainda sindicalista, começou em um momento crucial para a redemocratização do país, a transição entre as décadas de 70 e 80, unificando as forças estudantil e sindical. Antes mesmo da consolidação do Partido dos Trabalhadores e da candidatura para cargos políticos, Lula já havia participado, em 1980, do congresso que elegeu Aldo Rebelo como presidente da UNE na cidade de Piracicaba (SP).

A afinidade que se estendeu ao longo dos anos foi de apoio mútuo. No mesmo ano em que o movimento estudantil fez campanha pelo voto e participação dos jovens nas primeiras eleições democráticas, lançou seu apoio ao ex-sindicalista em sua primeira disputa presidencial, com a campanha “Lula UNE o Brasil”. No ano de 2002, na quarta disputa pela presidência, a UNE realizou um plebiscito nas universidades decidindo apoiar Lula novamente, revivendo a campanha de 1989. Com a vitória, e a reeleição quatro anos mais tarde, do ex-metalúrgico, estava aberto novamente o canal de comunicação entre o movimento estudantil e o governo federal.

Em 2008, 18 anos depois de ter participado como sindicalista no congresso de Piracicaba, um dos encontros de Lula com a UNE aconteceu na própria Praia do Flamengo, no lançamento da Caravana da Saúde, na gestão de Lúcia Stumpf (2007-2009).

No ano do 51º Congresso da União Nacional dos Estudantes, 2009, Lula esteve presente pela segunda vez no encontro. Nesse dia, discutiu e analisou com os jovens as propostas e reivindicações para aprimorar do ProUni, se mostrando aberto às críticas. Ressaltou ainda a importância do diálogo entre o movimento estudantil e o governo, agradecendo o papel que a UNE desempenha para a educação.

Um ano mais tarde, dessa vez no Rio de Janeiro, o encontro foi emocionante e nostálgico. Na Praia do Flamengo, 132, estudantes, moradores da região e a imprensa se reuniram para ver Lula marcar a pedra fundamental para a reconstrução da sede da UNE e UBES, metralhada, invadida e incendiada pelos militares em abril de 1964 e demolida em 1980.

PROUNI, UM PROJETO DE LULA E DO MOVIMENTO ESTUDANTIL

O ProUni – Programa Universidade para Todos foi criado pela MP nº 213/2004 e institucionalizado pela Lei nº 11.096, de 13 de janeiro de 2005. Esse projeto nasceu da parceria do ex-presidente Lula com a UNE, que levantou no país o debate sobre a reforma universitária e a necessidade de ampliação do acesso ao ensino superior. Tem como finalidade a concessão de bolsas a estudantes de baixa renda em cursos do ensino superior privado. Desde 2005 o ProUni ofereceu mais de um milhão de bolsas de estudos em universidades de todo país.

Da Redação

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo