Pular para o conteúdo Pular para o Mapa do Site

Lula participa do II Encontro Nacional dos Estudantes do ProUni no 52º CONUNE

Tags:

Na tarde desta quinta-feira, 14 de julho, no Palácio de Convenções de Goiânia, o clima de reencontro entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a União Nacional dos Estudantes foi de bons e velhos amigos. Ao mesmo tempo em que a UNE homenageou e demonstrou seu afeto pelo ex-presidente, Lula correspondeu de maneira bem humorada e emocionada. O barulho do ato foi o de milhares de estudantes cantando em uma só voz: “Lula, guerreiro do povo brasileiro”.

A participação de Lula fez parte do II Encontro nacional de estudantes do ProUni, atividade integrada ao Congresso da UNE. Foi sob esse clima que ele foi ao microfone revelar sua saudade em discursar e demonstrar em palavras como estava feliz. “Quero cumprimentar a todos aqui e dizer que eu estava com saudades de vocês”. Ainda falando sobre a animação em estar no evento ele completou: “Vou contar para vocês, era para eu estar no Egito agora, falando para a juventude de lá sobre democracia, estava tudo certo, mas quando me falaram sobre o congresso da UNE, larguei tudo e vim para cá. Não há como falar de democracia em outro país se eu não participo de um Congresso democrático, como este aqui dos estudantes, em meu próprio país”.

Bem humorado em todo o discurso, assumiu um tom mais sério quando comentou sentir falta do ex-vice-presidente José Alencar, falecido no início do ano, e da presidenta Dilma Rousseff, lamentando que ela não estivesse no encontro.

Prouni

Grande parte do público era composto por alunos que ingressaram na universidade graças ao ProUni, desenvolvido e implantado na gestão de Lula em instituições particulares de todo o país. Em meio aos discursos dos convidados, reverberavam os gritos e empolgação de milhares de jovens, que dificilmente cessavam o coro. Participaram também o ministro da Educação Fernando Haddad, o presidente da UNE Augusto Chagas, o vice-presidente da UNE Thiago Rabelo, o presidente da UBES Yann Evannovich, o secretário geral da UNE Antonio Henrique, o prefeito de Goiânia Paulo Garcia e a presidente da Associação Nacional dos Pós-Graduandos (ANPG) Elisangela Lizardo.

A estudante de medicina Vanessa Castilho, bolsista do ProUni, protagonizou um dos momentos mais marcantes do evento, com a leitura de uma carta, representando os prounistas de todo país. Enquanto lia e expressava o orgulho por ser universitária, os alunos que assistiam vibravam de suas cadeiras, vendo naquele palco não uma estudante qualquer, mas o próprio retrato de suas vidas. “Sou filha de pedreiro e doméstica. Estou no quarto ano de medicina e quero que muitos outros ainda estejam”. Em certo momento foi possível ver a comoção de diversas pessoas, com os olhos cheios de lágrimas. O próprio ex-presidente Lula não resistiu à beleza do discurso, ficando bastante emocionado. Em tom alto e exaltado, o auditório inteiro cantava “O filho de pedreiro vai poder virar doutor”.

Atentos, os estudantes não perceberam o tempo passar, demonstrando o carinho por Lula todo tempo. Informado de que este é o mais representativo Congresso da UNE em toda a história, com mais de um milhão e meio de estudantes participando do processo em seus estados, Lula aproveitou para dar um recado para os candidatos à presidência da UNE. “Quem assumir a UNE não vai mais ficar fazendo discursinho somente na porta da universidade pública. A UNE vai ter que ir também para a porta das universidades particulares, vai ter que aumentar o movimento estudantil”.

Ao final de sua fala, visivelmente satisfeito com o encontro e parabenizando a UNE, Lula disse: “Obrigado por vocês existirem”.

Leia carta lida por estudante prounista de Medicina, Vanessa Castilho para Lula durante encontro.

Da Redação

Pular para o Conteúdo Pular para o Topo